Soluções em Nuvem

O novo contexto de data center amplia limites do hardware de um local físico para um cenário de infraestrutura digital extremamente veloz, complexa e em constante expansão. Isso exige que a TI adote uma nova abordagem de gerenciamento de infraestrutura de data center que permita:

Trabalhe de onde quiser e a qualquer hora

Com o uso contínuo de recursos em nuvem permitem a você e sua empresa possuir uma infraestrutura convergente acessível de qualquer local e com toda segurança e confiabilidade

O que as pessoas estão dizendo...

Ao questionar alguns de nossos clientes sobre nossas soluções e se estão felizes com o resultado:

Últimas notícias

Aqui você confere todas as novidades para ficar dentro do que esta acontecendo no mercado de TI e novidades em tecnologia

Avast coleta e vende dados de navegação dos usuários há anos

Conforme reportagem veiculada pelo site da olhar digital e outras empresa a Companhia

Empresa alega que atividade permite estudar padrões de uso dos serviços na internet; aplicação dos dados está detalhado nos termos do antivírus

Recentemente foi revelado que o antivírus Avast coletou mais de 400 milhões de dados de navegação de usuários, com o objetivo de vendê-las a terceiros – principalmente para anunciantes. O ponto mais crítico desta situação é que a empresa realiza essa atividade desde 2013. Portanto, não é esperado o desconhecimento de tantas pessoas

O CEO da Avast, Ondrej Vlcek, explica que a coleta de dados é comum e geralmente é usada para proteger a privacidade dos usuários, uma vez que as informações são anonimizadas. Tudo indica que essa prática é mais comum do que parece, sendo que outras empresas do ramo fazem o mesmo há muito tempo.

Apesar da aparência ilegal, as empresas geralmente notificam essas ações em detalhes em seus termos de uso, como aponta o site Xataka. Por mais que a coleta de dados com intenções comerciais não tenha muito a cara de uma empresa relacionada à segurança nas redes, a própria Avast explica que isso não representa nenhum risco a longo prazo para os usuários. Os dados são coletados através de extensões adicionadas nos navegadores, dedicadas a extrair o URL dos sites visitados.

E a transparência?

Vlcek foi enfático ao afirmar que, durante a coleta de quaisquer informações, são eliminados dados que possam vir a prejudicar o usuário, de modo a usá-las apenas para fins métricos. Graças a essa coleta, é possível identificar vários padrões em certos serviços disponíveis na internet, pelos quais geralmente são estudados os padrões de uso ao longo do tempo. Em seguida, a Avast vende essas informações para diferentes clientes, especialmente dedicados à publicidade.

Se você deseja ver a exata localização nos termos de uso com os detalhes desta ação, pode visitar este link. Além disso, caso queira desabilitar esta atividade de coleta, pode fazê-lo pelo mesmo site.

Pichau Bate RECORD MUNDIAL Com AMD Threadripper 3990X No HWBOT

Segundo reportagem divulgada no site Pichau Arena, No dia 09/02/2020 caiu o embargo mundial do AMD Threadripper 3990X o processador mais poderoso do mundo atualmente, com 64 núcleos e 128 threads que pode operar a um clock máximo de 4.3GHz em seu modo boost sob demanda por núcleos.

Nada melhor para darmos as boas vindas a esse monstrinho do que testar ele em um cenário de Overclock.

Que provavelmente não vai ser o uso dele por seus compradores

Antes de falarmos o que conseguimos com ele, precisamos entender um pouco de como ele se comporta, então como referência em Stock temos uma processador que trabalha com temperaturas na casa dos 68~75 Graus com um Clock na casa dos 4.200MHz que quando o processador é levado em massa a utilizar todos os seus 128 Threads a 100% vai trabalhar como padrão na casa dos 3.200MHz.

Por curiosidade o seu consumo fica na casa dos 280 a 300W com essa carga de trabalho em Stock e chegando a quase 600W quando em OC.

Sabendo disso, que ele é um processador com muitos núcleos e que quando está a 100% o seu clock fica mais baixo, o primeiro passo é tentar estabilizar ele próximo do seu boost máximo por núcleo. E foi ai mesmo que atacamos!

Em nossos primeiros testes atacamos em um clock de 3.9 GHz com uma tensão bem folgada, realmente para sentir o comportamento. Nesse primeiro teste é somente para conhecer! Percebemos que ele aceitou a tensão bem e conseguiu rodar o Cinebench R20 que é extremamente pesado muito bem e já com ganhos expressivos em cima do valor em Stock.

Nesse momento a minha tensão era de 1.280v e as temperaturas estavam bem altas, mas se mantendo dentro de uma margem que considero aceitável para um CPU com 64 núcleos.

Temperaturas na casa dos 85 graus podem parecer muito, mas sempre devemos lembrar! não estamos falando de 16 threads mais sim de 128 threads

Afinando mais o Overclock baixei o vcore para 1.256v e por incrível que pareça nele eu consegui trabalhar bem a um limite máximo de 4.125MHz. Acima desse valor o sistema não tinha estabilidade para suportar uma rodada completa de Cinebench R20.

Os motivos são 2, falta de vcore exigindo mais tensão e temperatura que vem ligado a tensão mais elevada. Essa combinação nos impõe um limite nessa casa dos 4.1GHz ~ 4125MHz +-

Para curiosidade o clock máximo que atingimos foi 4.225MHz com 1.280v mas pelos motivos acima não conseguimos muita estabilidade nesses valores.

Convenhamos é um valor muito bom já! 4125MHz em 128 Threads é a primeira vez que vejo no mundo!

Agora nossa correria foi com os benchmarks, tive o cuidado de validar todos eles na liga do HWBOT com validação e inclusive alguns e-mails trocados com pessoal de fora auxiliando na verificação e checagem se os dados eram realmente válidos.

Os resultados foram lindos, 31.107 pontos no Cinebench R20 o que se comparado com ele em Stock teve uma diferença de mais de 6.000 pontos! para se ter uma ideia melhor uma Intel Core I9 9900K faz pouco mais de 5.000 pontos nesse benchmark.

Então podemos considerar que entre o 3990X Stock e ele em Overclock temos mais do que um Intel Core I9 9900K de diferença. Brincadeiras a parte, essa pontuação validada nos colocou em 3 lugar no rank mundial do Cinebench R15.

Na sequencia consegui fazer uma ótima rodada de Cinebench R15 com pontuação na casa dos 13.115.

Nos colocando em terceiro lugar no rank mundial de Cinebench R15.

e por último uma pontuação no 7-ZIP que nos garantiu 12 lugar no rank mundial geral e 1 lugar nas categorias 64 Cores e Ryzen Threadripper.

Essas pontuações representando o Brasil, são um pouco do que o AMD Threadripper 3990X é capaz de entregar, com uma sessão de overclock básica com um Water Cooler Pichau Gaming AQUA X200, Placa Mãe ASRock TRX40 Taichi e um KIT de memórias T-Force XTREEM ARGB a 3200MHz foi possível chegar a um pódio bacana.

Com mais tempo, mais opções de hardware e quem sabe um pouco de nitrogênio líquido não conseguimos arrancar mais alguma coisa…. aguardem! 

Validações HWBOT:

https://hwbot.org/submission/4347538_
https://hwbot.org/submission/4347544_
https://hwbot.org/submission/4347547_

Processador AMD Ryzen™ Threadripper™ 3990X

Threadripper Chip

Um processador para renderizar tudo

Agora com revolucionários 64 núcleos, o processador para desktop mais potente do mundo fará com que o tempo seja irrelevante.* 

Aprovado por Hollywood

O AMD Ryzen™ Threadripper™ da 3ª Geração já demonstrou seu valor para artistas de efeitos especiais de grandes estúdios de filmes.

AMD Socket sTRX4 - TRX40

Novas placas-mãe. Tecnologias exclusivas.

As novas placas-mãe AMD TRX40 incluem a inauguração da conectividade avançada PCIe 4.0 para desktop de alta tecnologia, oferecendo mais largura de banda para criadores do que nunca antes.

Quatro núcleos fornecem 128 threads surpreendentes de poder de multiprocessamento simultâneo, enquanto 288 MB de cache combinada e ampla plataforma de E/S AMD TRX40 trabalham juntos para oferecer um desempenho impressionante.

64 núcleos e 128 threads para cargas de trabalho de renderização extremamente rápidas.

Um número sem precedentes de 88 linhas PCIe® 4.0 para atender a amplas demandas de GPU e NVMe.

Até 288 MB de cache combinado para acesso rápido a grandes conjuntos de dados.

DDR4 de quatro canais com suporte ECC disponível para rendimento confiável.

Wraith Cooler

Processadores excepcionais merecem uma refrigeração excepcional

Soluções térmicas para os processadores Ryzen™ Threadripper™ dos nossos parceiros.SAIBA MAIS

AMD Threadripper motherboard

Suporte de NVMe RAID

Combine até seis discos NVMe para velocidade extrema ou redundância sólida com os processadores Ryzen™ Threadripper™. Ainda quer mais? Obtenha o dobro de largura de banda com o PCIe® 4.0, exclusivamente para desktops de alta tecnologia com placas-mãe AMD TRX40.

AMD Ryzen™ Threadripper™ 3990X

Especificações :

Nº de núcleos de CPU: 64

Nº de threads: 128

Clock básico: 2.9GHz

Clock de Max Boost Até 4.3GHz

Cachê L1 total 4MB

Cachê L2 total 32MB

Cachê L3 total 256MB

Desbloqueado Sim

CMOS:TSMC 7nm FinFET

Packages: TRX4

Versão do PCI Express: PCIe 4.0

TDP / TDP Padrão: 280W

Temps máx: 95°C*

Suporte de SO Edição: Windows 10 – 64-Bit RHEL x86 64-Bit*O suporte ao sistema operacional (SO) poderá variar de acordo com o fabricante.

Memória:

Velocidade máxima da memória: 3200MHz

Tipo de memória: DDR4

Canais de memória: 4

Principais recursos:

Tecnologias compatíveis: Arquitetura do núcleo Zen

Utilitário AMD Ryzen™ Master

Base:

Família de produto: AMD Ryzen™ Processors

Linha de produto: AMD Ryzen™ Threadripper™ Processors Plataforma: Computador de mesa

Bandeja OPN: 100-000000163

OPN PIB: 100-100000163WOF

Data de lançamento: 2/7/2020

Conheça nossa Equipe

Bruno d´Anna

Bruno d´Anna

Diretor de TI
Sarah Culan

Sarah Culan

Developer
Chao Kang

Chao Kang

Developer
Megan Sheryl

Megan Sheryl

Developer

Produtos em destaque

Produtos e soluções para atender seus negócios

Conheça nossos clientes

Oferecemos as melhores soluções em TI para atender as necessidades de seus negócios

Suporte rápido pelo Telefone: (11) 4232-3608,   Pelo Zap: