3 dicas para diminuir os travamentos do Chrome no Windows 10

3 dicas para diminuir os travamentos do Chrome no Windows 10

A atualização de maio do Windows 10 está fazendo com que o navegador Google Chrome trave mais em alguns computadores. Confira algumas dicas para amenizar este problema!

O Google Chrome é um dos navegadores mais utilizados nos computadores para acessar a internet devido aos seus inúmeros recursos. Por sua vez, quem já realizou a atualização de maio de 2020 do Windows 10 pode ter notado que o browser do Google na versão estável e canary começou a travar com bastante frequência na hora de navegar pela internet.

O problema em questão já foi reconhecido pelo Google, que ainda está trabalhando em uma atualização para poder solucioná-lo. Ainda assim, para não ter que esperar por este update, existem alguns procedimentos sugeridos pelo Google que podem amenizar estes travamentos do Chrome na última versão do Windows 10. Confira!

Limpar os dados de navegação

Apesar de o problema poder ocorrer a qualquer momento no navegador, muitas vezes isso está relacionado aos dados de navegação que são armazenados por ele na hora de acessar sites. Assim, uma simples limpeza destes dados pode ser a solução mais simples para o seu caso.

Antes de seguir este passo a passo, vale lembrar, ele apagará o histórico e outros dados que podem ser importantes para você. Veja como fazer esta limpeza:

1. Abra o navegador Google Chrome normalmente

2. Na sua tela principal, clique no ícone representado por “três pontos” e vá em “Configurações”

3. Em “Privacidade e Segurança”, clique em “Limpar dados de navegação”

Reprodução

4. Selecione a guia “Avançado”, selecione a opção “Todo o período”, marque todas as caixinhas e clique em “Limpar dados”.

Reprodução

Quem preferir, também pode acessar o menu para limpar os dados de navegação mais rapidamente ao apertar junto as teclas “Ctrl + Shift + Delete”.

Desabilite ou remova as extensões

As extensões do Google Chrome são amplamente utilizadas no navegador para adicionar novas funções em sites, como no WhatsApp Web. Por sua vez, apesar de serem bem úteis, elas são uma das maiores responsáveis por travamentos do navegador e desabilitar alguns destes complementos pode solucionar boa parte deles. Confira como é o processo para isto:

1. Abra o navegador Google Chrome normalmente;

2. Clique no ícone representado por “três pontos” e vá em “Configurações”;

3. Na tela aberta, vá em “Extensões”;

Reprodução

4. Agora, basta clicar em “Remover” nos complementos que serão desinstalados. Caso prefira, você também pode apenas “desabilitá-los” ao desmarcar a sua chavinha.

Reprodução

Restaurar as configurações padrões do Chrome

Se as duas soluções acima ainda não foram o suficiente para fazer o Chrome voltar ao normal, então, existe a possibilidade de resetar todas as configurações do navegador, o que recomendamos apenas em último caso. Segue o passo a passo:

1. Abra o navegador Google Chrome normalmente;

2. Clique no ícone representado por “três pontos” e vá em “Configurações”;

Reprodução

3. Expanda o menu “Avançado” e clique em “Redefinir e limpar”;

Reprodução

4. Na nova tela, vá em “Restaurar configurações para os padrões originais”;

Reprodução

5. Já na mensagem que surge, clique em “Redefinir configurações”.

Reprodução

Pronto! Com estas dicas, você deve conseguir ao menos amenizar um pouco dos travamentos do Chrome que ocorrem com a última atualização do Windows.

Fim do suporte do Windows 7 e do Office

Fim do suporte do Windows 7 e do Office

O suporte para Windows 7 terminará no dia 14 de janeiro de 2020, e a sua experiência poderá ser diferente, dependendo de sua versão do Office.

Observação: Se você for um profissional de TI responsável pela implantação do Office em uma empresa, aconselhamos ver Fim do suporte do Windows 7 e o Office 365_ ProPlus.

Selecione a guia Office 365 ou Outras Versões do Office abaixo para saber mais sobre o que você precisa fazer após o fim do suporte para o Windows 7.

Office 365

Windows 7 e Office 365

Office 365 é governado pela política de ciclo de vida moderna que exige que os clientes estejam sempre atualizados conforme a manutenção e os requisitos do sistema para o produto ou serviço, inclusive usando o Office 365 em um sistema operacional Windows com suporte no momento.

O uso de Office 365 em sistemas operacionais mais antigos e sem suporte pode causar problemas de desempenho e confiabilidade com o tempo. Como uma valiosa assinatura do Office 365, gostaríamos de fornecer uma experiência estável do Office 365. Portanto, se você estiver usando o Office 365 em um computador executando o Windows 7, recomendamos migrar para o Windows 10.

Mesmo não havendo mais suporte para o Windows 7 após janeiro de 2020, decidimos fornecer a você as atualizações de segurança para Office 365 pelos próximos três anos até janeiro de 2023. Daremos mais tempo para que a transição do uso do Office 365 em dispositivos com Windows 7 para um sistema operacional compatível, como o Windows 10. Mas, durante esse período, enquanto o dispositivo ainda estiver executando o Windows 7, o Office 365 não receberá novas atualizações de recursos.

Depois de migrar para um sistema operacional Windows compatível, todos Office 365 os recursos e atualizações de segurança serão retomados normalmente. Neste momento, você pode executar uma atualização do Office para verificar se você tem a versão mais recente.

Desinstalar o Windows 7 e outras versões do Office

As versões sem assinatura do Office, como o Office Home & Student ou o Office Home & Business, terão suporte completo com base na política de ciclo de vida fixo. No entanto, o Windows 7 não receberá mais atualizações de segurança, o que o deixará vulnerável a ameaças à segurança. Assim, se você estiver executando o Microsoft Office em um computador com o Windows 7, recomendamos migrar para o Windows 10.

A tabela a seguir mostra as versões com suporte do sistema operacional do Office e do Windows.

SO WindowsOffice 2010Office 2013Office 2016Office 2019
Windows 7Com suporteCom suporteCom suporteN/D
Windows 8.1Com suporteCom suporteCom suporteN/D
Windows 10Com suporteCom suporteCom suporteCom suporte

* Essas versões do Office continuarão a ter suporte enquanto estiverem dentro da política de ciclo de vida da Microsoft. No entanto, se o problema for resultado da combinação do Office e de um sistema operacional sem suporte (que será o Windows 7 após 14 de janeiro de 2020), o problema não terá suporte.

Como obter o Windows 10

Para manter a confiabilidade e a estabilidade do Office 365, recomendamos migrar para o Windows 10.

O Windows 10 está disponível para que a compra atualize um computador existente, no entanto, os PCs mudaram substancialmente porque o Windows 7 foi lançado há dez anos. Os computadores de hoje são mais rápidos, robustos e mais elegantes. Além disso, eles já vêm com o Windows 10 instalado!

Para obter ajuda sobre como encontrar um que atenda às suas necessidades e ao seu orçamento, entre em contato com um de nossos consultores e por que os computadores com o Windows 10?

Se você comprou um computador novo com Windows 10, mas precisa de ajuda para transferir seus arquivos, consulte migrar para um computador com Windows 10.

Dica: Se seu computador for gerenciado pelo seu trabalho ou escola e você recebeu uma notificação de atualização para o Windows 10, consulte o suporte técnico de TI ou o administrador de TI sobre como atualizar. Siga as recomendações da sua organização para obter instruções sobre como transferir seus arquivos e aplicativos.

Você recebeu a notificação “Seu PC com Windows 7 está sem suporte”

Você recebeu a notificação “Seu PC com Windows 7 está sem suporte”

Aplica-se a: Windows 7 Home Basic,Windows 7 Home Premium,Windows 7 Professional,Windows 7 Ultimate,Windows 8

Resumo


Quando o PC está executando uma versão do Windows que chegou ao fim do suporte, é importante que você tome medidas porque, sem correções de segurança contínuas, o PC ficará vulnerável a vírus e malware.  Caso você tenha o Windows 8 (não atualizado para o Windows 8.1), o Windows 7 Service Pack 1 (SP1) ou o Windows 7 (não atualizado com SP1), uma das seguintes notificações em tela inteira poderá ser exibida no computador (dependendo do sistema que você estiver usando):

Windows 7 Service Pack 1 (SP1)

Seu PC com Windows 7 está sem suporte

Seu PC do Windows 7 está fora de suporte.  A partir de 14 de janeiro de 2020, o suporte para o Windows 7 chegou ao fim.  Seu PC é mais vulnerável a vírus e malware, devido a não mais atualizações de segurança, atualizações de software ou suporte técnico.  A Microsoft recomenda fortemente o uso do Windows 10 em um novo PC para os mais recentes recursos de segurança e proteção contra software malicioso.

A notificação permanecerá na tela até que você interaja com uma das opções disponíveis.  Embora essas notificações tenham sido projetadas para fornecer informações importantes, você pode selecionar “Lembrar mais tarde” para descartar o lembrete por três dias.  Caso prefira não receber mais lembretes, você poderá selecionar a opção “Não lembrar novamente” para deixar de recebê-los.

Windows 7 (não atualizado com SP1)

Desculpe interromper, mas isto é importante.

Seu computador está executando uma versão desatualizada do Windows 7.

Seu computador está executando uma versão desatualizada do Windows 7.

Windows 8 (não atualizado para o Windows 8.1)

Desculpe interromper, mas isto é importante.

Seu computador está executando uma versão desatualizada do Windows 8.

Seu computador está executando uma versão desatualizada do Windows 8

Essas versões do Windows atingiram o fim do período de suporte e não recebem mais atualizações de segurança da Microsoft. Para manter o Windows tão seguro quanto possível, recomendamos que você mude para o Windows 10. 

As 4 melhores distribuições Linux para você reparar problemas do seu PC com Windows

Conheça quais são as melhores distribuições Linux para você corrigir os erros e recuperar arquivos de um PC com problemas

A maioria das pessoas utiliza em seu computador o Windows para realizar diversas tarefas do dia a dia, tanto para trabalho quanto para lazer. Apesar do sistema operacional da Microsoft ter passado por diversas melhorias, nunca se sabe quando você terá um problema causado por ele ou por conta de seu hardware.

Se por algum motivo você acabou preso fora do sistema, uma boa alternativa para tentar arrumá-lo ou ao menos para recuperar os seus arquivos consiste em utilizar uma distribuição Linux, que pode ser executada a partir de um pendrive. A seguir, confira esta lista elaborada pela Compuword com quatro distribuições Linux para arrumar o seu PC.

Rescatux

Uma distribuição bem popular para o reparo de computadores fica por conta do Rescatux. Através dela, você consegue resolver diversos problemas relacionados ao boot do sistema, como algum parâmetro que não deixe o Windows ou outra distribuição Linux ser iniciada.

Reprodução

O Rescatux é um cd de resgate do GNU / Linux (e eventualmente também o Windows), mas não é como outros discos de resgate. O Rescatux vem com o Rescapp. Rescapp é um bom assistente que irá guiá-lo através de suas tarefas de resgate .

Clonezilla Live

A segunda opção desta lista é uma distribuição para quem quer estar prevenido de erros. Sendo uma distribuição que roda do pendrive, com ela você pode criar uma cópia perfeita de seu HD, que poderá ser utilizada para restaurá-lo quando acontecer um problema.

Reprodução

O seu único ponto negativo fica por conta de sua interface, que como pode ser visto nas imagens acima, é utilizada via comandos de texto.

SystemRescueCD

A distribuição mais popular para reparar computadores fica por conta do SystemRescueCD e não é à toa. Essa distro acaba trazendo ferramentas úteis para reparticionar HDs e até para recuperar arquivos de drives danificados.

Reprodução

Além deles, dentro de seu pacote estão incluídos alguns programas úteis como um navegador, que é claro, pode ser utilizado para fazer a busca pelo erro que está impedindo você de utilizar o seu computador.

Trinity Rescue Kit

A última opção desta lista, assim como o SystemRescueCD, também traz uma seleção generosa de ferramentas para reparar máquina que estejam com problemas no Windows. Através dela, é possível realizar o reset de senhas e até mesmo rodar antivírus para remover ameaças que entraram em seu sistema.

Reprodução

Apesar de contar com tantas ferramentas, assim como outras ferramentas exibidas aqui, o seu contra é a sua utilização, já que a sua interface é toda feita em texto.